terça-feira, 22 de agosto de 2017

AÇÕES DA ELETROBRAS DISPARAM 40%, E ESTATAL GANHA MAIS DE R$ 7 BI EM VALOR DE MERCADO



Resultado de imagem para eletrobrasCCom a disparada das ações da Eletrobras nesta terça-feira (22) após o governo anunciar plano de privatização da estatal do setor elétrico, a companhia viu o seu valor de mercado aumentar em mais de R$ 7 bilhões em poucas horas, segundo dados da provedora de informações financeiras Economatica. 

Por volta das 12h, as ações da Eletrobras subiam ao redor de 40% na B3 (antiga BM&FBovespa, a bolsa brasileira) , o que colocava a companhia com um valor de mercado de R$ 27,45 bilhões, ante R$ 20,17 bilhões no fechamento do pregão da véspera. 

O levantamento leva em consideração a cotação de R$ 19,76 do papel Eletrobras ON N1 (alta de 39%) e de R$ 22,48 da Eletrobras PNB N1 (alta de 25,97%). Acompanhe a cotação
 
Com a forte alta da Eletrobras, o Ibovespa bateu o patamar de 70 ml pontos. A última vez que o índice fechou acima dos 70 mil pontos foi em 19 de janeiro de 2011, quando fechou em 70.058 pontos. O recorde histórico foi em 20 de maio de 2008, com 73.516 pontos.

O avanço da Eletrobras acontece após o governo anunciar plano de vender o controle da gigante do setor elétrico, em movimento que pode gerar uma arrecadação de até R$ 20 bilhões para a União.

Itaipi e Eletronuclear devem ficar de fora

O ministro de Minas e Energia, Fernando Bezerra Coelho Filho, informou nesta terça-feira que a hidrelétrica de Itaipu, administrada pelo Brasil junto com o Paraguai, e a Eletronuclear, subsidiária à qual estão vinculados os projetos na área de energia nuclear, deverão ficar de fora da privatização da Eletrobras. O ministro disse também que, com a privatização, as tarifas de energia podem cair no médio prazo para o consumidor. 

CLIQUE AQUI E VEJA A MATÉRIA NA ÍNTEGRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE COM EDUCAÇÃO.