quinta-feira, 29 de junho de 2017

POLÍCIA PRENDE GOLPISTA QUE OSTENTAVA NAS REDES SOCIAIS

 Polícia acredita que viagens e festas eram bancadas por golpes (Foto: Reprodução)

Suspeita de golpe avaliado em R$40 mil ostentava nas redes sociais, diz polícia do AM

Advogada foi a última vítima do golpe. Suspeita já responde por outro caso de estelionato e uma receptação.

A estudante Ellen Cristina Abreu de Abreu, de 26 anos, foi presa na quarta-feira (28) suspeita de usar documentos falsos para adquirir um empréstimo de R$ 40 mil em nome de uma advogada. Segundo a Polícia Civil, nas redes sociais ela ostentava uma vida que não condizia com o seu poder aquisitivo. "Tenho direito de me divertir", disse ela. 

O delegado Marcos Paulo Graciano, titular do 24° Distrito Integrado de Polícia (DIP), disse que a jovem usou documentos falsos para obter o empréstimo e, em seguida, foi a uma agência bancária para transferir o valor. O gerente do banco achou estranha a movimentação e entrou em contato com a advogada. 

"A suspeita foi até uma agência bancária onde a advogada já tinha conta e tentou abrir uma conta corrente. O gerente questionou alguns fatos que ela não soube responder e, diante disso, comunicou à Polícia Militar, e ela foi conduzida para a delegacia. Nós verificamos que nas redes sociais ela posta fotos em festas, viagens e se diz estudante sem renda, então é um padrão não condizente com o nível salarial que ela afirma ter", explica o delegado Graciano.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMENTE COM EDUCAÇÃO.