quarta-feira, 7 de agosto de 2013

DEPOIS DAS FÉRIAS VEREADORES DE PARAIBANO VOLTAM AO "TRABALHO"

Momento de oração na primeira reunião da Câmra Municipal
 em memória do ex-vereado jardem Sousa,
falecido no mês passado

Foto: Amaury
Amaury Carneiro
Público presente na sessão, vereador Murilo, e ao fundo
 Ana Célia presidente da casa
A Câmara de Vereadores de Paraibano-MA, retomou os trabalhos na noite de segunda-feira, dia 5, realizando a primeira sessão ordinária depois do recesso parlamentar e após o falecimento do jovem vereador Jardem Sousa.

A sessão teve início com um pronunciamento da vice-prefeita Rejany Gomes, que se sensibilizou com o triste momento pelo qual passa a família de Jardem, e pediu que todos os presentes dessem as mãos e rezaram a oração do Pai Nosso. Em seguida foi a vez do ex-vice prefeito Maneta e o pastor Vanderley da Igreja Assembleia de Deus também  prestarem suas homenagens ao ex-vereador.

A sessão também foi marcada pela primeira participação oficial da vereadora Maria Raimunda, na casa legislativa municipal. A vereadora assumiu a cadeira deixada pelo vereador Cazuqinha, que assumiu a vaga de Jardem Sousa.

A professora e agora vereadora Maria Raimunda, mais uma mulher a integrar o poder Legislativo do município,  disse que está ali para ajudar  a aprovar os projetos vindos do executivo em prol da comunidade, e trabalhará em favor da população.

Professora Maria Raimunda, a nova integrante
da câmara municipal de Paraibano-MA
BOLSA FAMÍLIA

O vereador Murilo Ribeiro, o mais atuante da câmara neste primeiro semestre, saiu em defesa da colega da casa  a vereadora Elizângela Teixeira. Elizângela foi citada no face book do ex-candidato a vereador Aristeu Neto, como beneficiária do Bolsa Família, programa do Governo Federal destinado às famílias de baixa renda. A pedido da parlamentar, Murilo, apresentou um documento no qual Elizângela, teria dado baixa no benefício em dezembro de 2012, antes de tomar posse na câmara legislativa municipal.

De acordo com Aristeu Neto, o nome da vereadora continua no sistema do governo como beneficiária do programa, com último registro de saque realizado no mês de maio de 2013. O blog também fez uma pesquisa no Portal de Transparência do Governo Federal e constatou que realmente houve um saque no mês de maio, no valor de R$ 134,00. Totalizando no ano de 2013 a quantia  de R$670,00. Veja abaixo o registro dos últimos saques.  




Segundo informações de fontes segura deste blog, há dezenas de pessoas em Paraibano, que não se enquadra no perfil do Bolsa Família e mesmo assim recebem o benefício, isso é uma vergonha, espera-se que a secretaria municipal de assistência social, tome providência o mais rápido possível para tirar essas pessoas do programa de benefício do governo.

 DE VOLTA À SESSÃO...

A presidente da câmara,  a vereadora Ana Célia, apresentou a quantidade de requerimentos e  projetos que foram aprovados na casa no primeiro semestre do biênio e disse que enquanto estiver na presidência da câmara continuará trabalhando em parceria com o poder executivo municipal, tendo sempre como objetivo  aprovar os projetos que sejam para o benefício da população.

OS AUSENTES

Os vereadores Francisco da Chagas (Tico Bala) e Raimundo Nonato (Nato), mesmo depois de quase dois meses de férias, faltaram à sessão sem justificativa, a vereadora Dênia Sá, justificou a falta por está acompanhando o pai que está doente, em viagem à  Teresina.
WWW.NoticiasdeParaibanoMa.com
“Aqui Você Faz a Notícia”

7 comentários:

  1. Caro Amaury,
    Só uma retificação, a vereadora Maria Raimunda não assumiu a cadeira deixada por Jardem Sousa. O vereador Cazuquinha como era primeiro suplente, efetivou o mandato no lugar do saudoso Jardem, A vereadora Maria Raimunda, como atual primeira suplente, assumiu a cadeira da vereadora Lucimar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro internauta, quem assumiu o lugar da Lucimar foi sim o Cazuquinha, no início do pleito.

      Excluir
  2. Esse é nosso Brasil. Essa é a nossa Paraibano. No meu ponto de vista sobre esses casos é a falta de acompanhamento na alimentação dos cadastros no sistema do Governo Federal por parte da Secretaria Municipal de Assistência Social. Pois o Governo Federal faz a triagem baseado nas informações repassadas pelos Municípios. O caso da vereadora que solicitou o cancelamento de seu cadastro em dezembro passado demonstra claramente a fragilidade operacional do programa por parte do Município. Espero que com essas denúncias as pessoas responsáveis pelo o programa tenham mais compromisso com a sociedade. Se fizerem realmente um acompanhamento sério irá abrir muitas vagas para aqueles que ainda são excluídos desses programas sociais.

    ResponderExcluir
  3. Quero parabenizar o ex-candidado a vereador Aristeu Neto por ter denunciado esse caso da vereadora Elizangela que recebe Bolsa Familia. Vergonha, ter bolsa familia com salario de 3 mil reias. Devolva o dinheiro Elizangela. Tem que publicar todos os casos caro Amaury.

    ResponderExcluir
  4. João Airton Santos Porto
    O Bolsa Família é o tipo de programa que combina muito bem com o estilo de fazer política da atual/eterna prefeita. Não é porque a vereadora renunciou ao benefício em dezembro de 2012 que a mesma está isenta. Com certeza, a vereadora já não se enquadrava no perfil de beneficiária do Bolsa Família àquela época, ou seja, recebia indevidamente. Sobre a Câmara Municipal, tenho muita curiosidade de saber de tais requerimentos e projetos para fazer uma análise sobre a importância dos mesmos para a população. A Câmara Municipal precisa disponibilizar as informações na internet para que todos possam conhecer o bom trabalho dos vereadores.
    joaoairton@gmail.com

    ResponderExcluir
  5. ... quero ver esse comentario viu sr.amauri em DEPOIS DAS FÉRIAS VEREADORES DE PARAIBANO VOLTAM AO "TRABALHO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CARO INTERNAUTA ENQUANTO O SENHOR OU A SENHORA NÃO SE IDENTIFICAR , NÃO PUBLICAREI COMENTÁRIOS COM OFENSAS E DENUNCIAS, SÓ SE TIVER PROVAS. CASO CONTRÁRIO QUEM VAI RESPONDER PROCESSOS NA JUSTIÇA É O ADMINISTRADOR DO BLOG NESTE CASO EU.
      COMENTÁRIOS PUBLICADOS COMO ANÔNIMOS SÓ EM CASOS ONDE NÃO HÁ PALAVRAS DE BAIXO CALÃO E OFENSAS. A PROPÓSITO, A MAIORIA DOS CONTEÚDOS DESSES COMENTÁRIOS JÁ TENHO CONHECIMENTO, MAS NÃO TENHO PROVA CABAL.
      OBRIGADO PELA COMPREENSÃO.

      Excluir

COMENTE COM EDUCAÇÃO.